MENU

Mobilização pedagógica na FSLF

Educação Superior: condicionantes, tendências e cenários no Brasil é o tema que mobiliza a 1ª Jornada Pedagógica da Faculdade São Luiz de França

às 17h05
O evento aberto na noite dessa segunda-feira, 23, com uma conferência do professor José Adelmo de Oliveira - Doutorando em Educação pela UFS e professor efetivo do Instituto Federal de Sergipe - IFS reúne em toda sua programação de 23 a 27, docentes e gestores e acontece no período noturno na sala 20 da instituição localizada na Rua Laranjeiras, 1838, no Bairro Getúlio Vargas.
Apresentações de propostas
Apresentações de propostas
<br />
<b>Notice</b>:  Undefined variable: postImg in <b>/sites/html_docs/portal-fslf/wp-content/themes/portal/single.php</b> on line <b>109</b><br />
<br />
<b>Notice</b>:  Trying to get property of non-object in <b>/sites/html_docs/portal-fslf/wp-content/themes/portal/single.php</b> on line <b>109</b><br />
Atividades práticas
<br />
<b>Notice</b>:  Undefined variable: postImg in <b>/sites/html_docs/portal-fslf/wp-content/themes/portal/single.php</b> on line <b>109</b><br />
<br />
<b>Notice</b>:  Trying to get property of non-object in <b>/sites/html_docs/portal-fslf/wp-content/themes/portal/single.php</b> on line <b>109</b><br />
A turma, num registro do evento
Compartilhe:

A conferência de Abertura é com o Prof. José Adelmo de Oliveira Doutorando em Educação pela UFS. Mestre em Educação Tecnológica. Licenciado em Pedagogia. É professor efetivo do Instituto Federal de Sergipe – IFS. Atuou como Pró-Reitor de Ensino do Instituto Federal de Sergipe, de 2010 a 2014. Foi Coordenador do Fórum de Dirigentes de Ensino da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica, no biênio 2012-2014. Foi professor da FSLF na Graduação e na Pós-Graduação. É Líder do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Educação Profissional e Tecnológica – NEPEPT

“A Jornada Pedagógica desse ano possibilitou alicerçar a formação docente com as bases legais do ensino superior. Ao propor discutir a identidade institucional e o protagonismo acadêmico, a Superintendência Acadêmica do Grupo Tiradentes, de forma democrática e participativa, permitiu que as unidades de ensino pudessem formatar o evento respeitando suas próprias particularidades, norteadas pelas principais diretrizes que compõem os indicadores de avaliação do MEC”, diz a doutoranda em Educação e diretora da Faculdade São Luiz de França, professora Cristiane Tavares F. de M. Nunes. A docente acrescenta que durante toda a semana, os professores estarão vivendo a instituição intimamente, entendendo seus processos e responsabilizando-se por eles.

Compartilhe: