V E S T I B U L A R
MENU
 Menu Principal

O trabalho pedagógico em contextos não escolares

A educação é um processo permanente que acontece em diferentes ações da sociedade; campo de trabalho pedagógico vai muito além dos ambientes escolares

às 21h05
Os futuros pedagogos têm uma ampla possibilidade de espaços nos quais eles podem atuar e contribuir com a sociedade, além da escola (Unsplash)
Os futuros pedagogos têm uma ampla possibilidade de espaços nos quais eles podem atuar e contribuir com a sociedade, além da escola (Unsplash)
Compartilhe:

Não é tão simples caracterizar o trabalho do pedagogo, pelo menos não quando se considera funções desempenhadas para além dos muros de uma escola. Há quem nem ao menos saiba que é possível desenvolver uma carreira pedagógica sem estar exclusivamente ligado a uma unidade de ensino.

Além de trabalhar na escola, diretamente na educação básica e fundamental, como é o caso dos profissionais licenciados em Pedagogia, também é possível exercer as habilitações de administração, inspeção, supervisão e orientação, no caso dos bacharéis na área. Mas você saberia dizer como é possível aplicar a pedagogia em contextos não escolares?

Para explicar melhor o trabalho realizado pelo pedagogo fora da escola, é preciso dizer antes que a prática educacional não se resume à didática da sala de aula e dos demais espaços escolares. A educação está em diferentes ações da sociedade de uma forma geral, acontece como um processo permanente em vários locais e situações, podendo variar conforme o contexto.

Nesse sentido, apesar dos termos educação e escola geralmente estarem popularmente associados, há uma grande diversidade de modalidades educativas que não correspondem ao modelo escolar. Do mesmo modo, o pedagogo se dedica às questões ligadas ao processo educacional, que não acontece somente dentro da escola, mas nas relações dos seres humanos entre si e com a sociedade.

Educação não escolar

Esse termo geralmente é empregado para diferenciar as práticas educativas que ocorrem no campo social daquelas que acontecem dentro da escola. Ao mesmo tempo em que marca a diferença, a educação não escolar complementa a educação escolar e familiar.

Já a ação pedagógica ocorre em três grandes esferas: a dos profissionais que se dedicam integralmente às atividades pedagógicas, como docentes e pedagogos; a daqueles que em apenas parte do tempo atuam indiretamente na atividade pedagógica, como profissionais diversos responsáveis por cursos de formação; e aquela ligada à vida privada e social, atividades da família, cidade, associações etc.

Formação

Os futuros pedagogos já devem estar cientes da ampla possibilidade de espaços nos quais eles podem atuar e contribuir ainda mais com a sociedade, além da escola. As diretrizes curriculares da graduação mostram a necessidade de abordar não apenas o exercício da docência, mas também as diferentes funções do trabalho pedagógico.

Os cursos de Pedagogia já apontam, como modalidades educativas em contextos não escolares, a educação do campo, a educação comunitária ou popular, a educação hospitalar e a educação prisional. Além dessas práticas, o horizonte de alternativas de atuação profissional após a formação foi ampliado e atualmente está presente também em diferentes contextos tais como o hospitalar, popular ou social e também o empresarial.

Na pedagogia hospitalar, o profissional acompanha crianças ou adolescentes que estão em tratamentos em hospitais e precisa dar continuidade aos estudos. Na pedagogia empresarial, possível naquelas de pequeno, médio ou grande porte, a função é atuar em atividades pedagógicas, sociais, burocráticas e administrativas.

Já a pedagogia social é formada por processos educativos geralmente não formais, que são dirigidos ao desenvolvimento da sociabilidade de indivíduos ou grupos em situação de vulnerabilidade social. Estas três modalidades exemplificadas ajudam a compreender a prática educativa além da escola e com finalidades adaptadas às situações específicas.

Estas possibilidades de trabalho tanto nas escolas como em contextos não escolares devem constar tanto no projeto pedagógico da instituição de ensino superior, quanto em suas atividades complementares e de estágio curricular. Pois, para a participação do pedagogo nesses ambientes, são necessários conhecimentos especializados para cada situação em particular.

Asscom | Grupo Tiradentes

Compartilhe: