V E S T I B U L A R
MENU
 Menu Principal

Semana Nacional da Criança Excepcional destaca a importância da inclusão no ambiente escolar


às 17h30
Compartilhe:

Entre os dias 21 e 28 de agosto é comemorada a Semana Nacional da Criança Excepcional. A data visa fomentar o conhecimento sobre cada deficiência, com o objeto de incentivar ações de integração na sociedade. A excepcionalidade diz respeito a características individuais: intelectuais, sensoriais, motoras, distúrbios de comportamento, etc. É uma lista de condições muito ampla que, por si só, demonstra o tamanho e a complexidade do desafio a ser enfrentado.

Um dos desafios encontrados é a dificuldade na inclusão destas crianças no ambiente escolar. Encontrar escolas com profissionais capacitados e aptos para lidar com essas particularidades não é algo tão comum, mas necessário para que estas crianças tenham o seu direito de desenvolvimento e educação garantidos.

Os dados e estatísticas comprovam que nos últimos anos ocorreu um crescente aumento de alunos com deficiência matriculados na rede regular de ensino, seja nas intuições públicas ou em estabelecimentos particulares.

 
De acordo com a professora da Pós- Graduação da Faculdade São Luís de França no curso de Atendimento Educacional Especializado e Inclusão no contexto escolar, Anatercia Silva, para realizar a inclusão de maneira efetiva e eficaz e atendendo as legislações vigente, faz-se necessário que os docentes continuem com a formação continuada para oportunizar ao público alvo da educação especial diversas metodologias, produção de material especializado e conhecimento sobre as demais deficiências encontradas no ambiente escolar. “Destacamos que existe uma crescente demanda por esse profissional no mercado de trabalho e para atender essas exigências os profissionais devem estar atualizados com a realidade educacional”, concluiu.

Pós-graduação

Na FSLF o professor que quiser se especializar na educação voltada para esse público encontra algumas opções:

– Atendimento Educacional Especializado e Inclusão do Contexto Escolar (AEE) – o objetivo da pós-graduação em AEE é eliminar as barreiras que possam obstruir o processo de escolarização de estudantes com deficiência, transtornos globais do desenvolvimento, altas habilidades e superdotação. Ele é um serviço de apoio à sala de aula comum, para que se ofereça meios e modos que efetive o real aprendizado dos estudantes.

– Neuropsicopedagogia e psicopedagogia – Trata-se de um curso introdutório que confere o título de neuropsicopedagogo a esses profissionais e que visa, de maneira interdisciplinar, a compreensão do processo cognitivo do ser humano e suas implicações na aprendizagem. O curso tem o objetivo de discutir a formação multiprofissional do neuropsicopedagogo e de apresentar as contribuições da neurociência e da psicologia cognitiva à educação, principalmente no que diz respeito ao acompanhamento de alunos com transtornos e dificuldades de aprendizagem, visando à sua inclusão.

Compartilhe: